Cadu Tenório e Bode Holofonico no Exploratório, SESC Pinheiros /SP

Exploratório:
Cadu Tenório (RJ)
Bode Holofonico (SP)

*31 de Maio, quarta
Auditório do SESC Pinheiros
@ Rua Paes Leme 195, Pinheiros; São Paulo /SP
20h30
$7,50 | $12,50 | $25
já disponível a venda de ingressos online – www.sescsp.org.br/programacao/122206_BODE+HOLOFONICO+E+CADU+TENORIO – ou em quaisquer unidades do SESC SP

 

Cadu Tenório

Prolífico artista atuante no circuito eletrônico e experimental carioca, tendo seu nome associado como compositor e músico a inúmeros projetos, tais como Sobre a Máquina, Ceticências, VICTIM! e Gruta.

Seu trabalho é geralmente construído na exploração de processos de gravação e performances voltadas para o improviso e pela obtenção de timbragens incomuns a partir de gravações de campo, tape loops, instrumentos processados e timbres extraídos de objetos cotidianos.

Entre lançamentos nacionais e internacionais possui uma extensa discografia, tendo Cadu se apresentado e gravado com artistas dos mais variados segmentos, tais como Paal Nilssen-Love, Juçara Marçal, Thomas Rohrer e Marcio Bulk.

No final de 2016, quando comemorou 10 anos de atividades, Cadu Tenório lançou o registro duplo “Rimming Compilation”, o qual apresenta agora pela primeira vez em São Paulo, no Exploratório do SESC Pinheiros.

 

Bode Holofonico


por Natacha Maurer

Sob a alcunha de Boode Holofonico, Guilherme Granado (Hurtmold, SP Underground, Bodes e Elefantes) e Leandro Archela (NAAXTRO, Rumbo Reverso, Holofonica) desenvolvem um diálogo de música criativa a partir da livre improvisação e manipulação de sintetizadores, instrumentos musicais e efeitos eletrônicos.

Lançaram até o momento dois registros oficiais, um em CD/digital pela Propósito Records e outro em fita cassete pela Submarine e Outprint.

Guilherme Granado é integrante do grupo paulistano Hurtmold, que completará 20 anos de carreira no ano que vem, São Paulo Underground juntamente com Rob Mazurek e Mauricio Takara, trio que possui 5 álbuns lançados e se apresentam anualmente nos principais festivais de jazz e música contemporânea pelo mundo. Guilherme também comanda o Bodes & Elefantes. Além desses grupos Granado colaborou com inúmeros artistas seja em gravações ou em apresentações ao vivo: Prefuse 73, Dan Bitney (Tortoise), Mike Ladd, Pharoah Sanders, Bill Dixon, Naná Vasconcelos, Roscoe Mitchell, entre outros.

Leandro Archela é a figura por trás do projeto de música eletrônica/experimental Holofonica, além de membro dos grupos Rumbo Reverso e NAAXTRO, bandas ligadas a música instrumental. Faz parte também do duo Auto Solidão, que desenvolve trabalho audiovisual.


Brava   |Selo Produtora